Junho/2016: Livros comprados – para ler – Parte 2.

PhotoGrid_1465524027320

Bom dia, leitores!

Continuando minha lista de livros comprados nas últimas semanas que serão minhas próximas leituras, segue abaixo o restante. Preciso deixar um desabafo que acredito não ser somente meu, que me falta tempo e dinheiro para todos os livros, séries e filmes que são de meu desejo. Meus próximos post´s serão sobre os últimos filmes que assisti, os filmes adaptados de livros, que adoro comparar, assim como o livro que estou terminando de ler Precisamos falar sobre o Kevin (maravilhoso!) e sobre a série da Netflix que venho “maratonando” Orange isthe new black. Resumindo, a agenda é apertada haha.

10)Doce Perdão – Lori Nelson Spielman.

Comprei este porque o último livro que li dessa autora achei nota 5, logo, assim que vi este lançamento, não resisti. Sinopse: Hannah Farr é uma personalidade de New Orleans. Apresentadora de TV, seu programa diário é adorado por milhares de fãs, e há dois anos ela namora o prefeito da cidade , Michael Payne. Mas sua vida, que parece tão certa, está prestes a ser abalada por duas pequenas pedras… As Pedras do Perdão viraram mania no país inteiro. O conceito é simples: envie duas pedras para alguém que você ofendeu ou maltratou. Se a pessoa lhe devolver uma delas, significa que você foi perdoado. Inofensivas no início, as Pedras do Perdão vão forçar Hannah a mergulhar de volta ao passado – o mesmo que ela cuidadosamente enterrou e todas as certezas de sua vida virão abaixo. Agora ela vai precisar ser forte para consertar os erros que cometeu ou arriscar perder qualquer vislumbre de uma vida autêntica para sempre.

11)O primeiro último beijo – Ali Harris.

Depois de tantos comentários positivos, simplesmente tive que comprar. Sinopse: Um livro sobre a luta para manter o amor da sua vida, mesmo quando o futuro é incerto. O primeiro último beijo conta a história de amor de Ryan e Molly, de como eles se encontraram e se perderam diversas vezes ao longo do caminho. Na primeira vez em que eles se beijaram, Molly soube que ficariam juntos para sempre. Seis anos e muitos beijos depois, ela está casada com o homem que ama. Mas hoje Molly percebe quantos beijos desperdiçou, porque o futuro lhes reserva algo que nenhum dos dois poderia prever… Esta história comovente, bem-humorada e profundamente tocante mostra que o amor pode ser enlouquecedor e frustrante, mas também sublime. Na mesma tradição de P.S. Eu te amo e Um dia, O primeiro último beijo vai fazer você suspirar e derramar lágrimas com a mesma intensidade.

12)Cidade dos ossos – Cassandra Clare.

Uma série de seis livros intitulado Instrumentos mortais, este é o primeiro volume. Já tinha ouvido bons comentários e depois de encontrar uma leitora com ele nas mãos no transporte público, enquanto eu voltava pra casa do trabalho e ela falar sobre ele com tanto entusiasmo, foi o que me levou a comprar. Sinopse: Um mundo oculto está prestes a ser revelado… Quando Clary decide ir a Nova York se divertir numa discoteca, nunca poderia imaginar que testemunharia um assassinato, muito menos um assassinato cometido por três adolescentes cobertos por tatuagens enigmáticas e brandindo armas bizarras. Clary sabe que deve chamar a polícia, mas é difícil explicar um assassinato quando o corpo desaparece e os assassinos são invisíveis para todos, menos para ela. Tão surpresa quanto assustada, Clary aceita ouvir o que os jovens têm a dizer… Uma tribo de guerreiros secreta dedicada a libertar a terra de demônios, os Caçadores das Sombras têm uma missão em nosso mundo, e Clary pode já estar mais envolvida na história do que gostaria.

13)Bom dia, Sr. Mandela – Zelda La Grange.

O que dizer sobre Nelson Mandela? Meu respeito e admiração sempre me fizeram ter vontade de conhecer melhor sua história e assim que descobri este lançamento, tive que adquirir. Sinopse: A secretária particular de Nelson Mandela faz um relato sobre a vida íntima do grande líder da África do Sul, relatando como era viver no apartheid e como o convívio com Mandela a fez abandonar todos os tipos de preconceito. Na descrição do dia a dia dos últimos 20 anos da vida de Mandela, um perfil humano e carismático do líder da luta contra o apartheid.

14)Vá, coloque um vigia – Harper Lee.

Eu desejei comprar assim que soube do lançamento, porque O sol é para todos é uma obra primorosa. Sinopse: Segundo romance de Harper Lee, que bateu recorde de número de exemplares vendidos em um só dia superando O símbolo perdido, de Dan Brown.Jean Louise Finch, mais conhecida como Scout, a heroína inesquecível de O sol é para todos, está de volta à sua pequena cidade natal, Maycomb, no Alabama, para visitar o pai, Atticus. Vinte anos se passaram. Estamos em meados dos anos 1950, no começo dos debates sobre segregação, e os Estados Unidos estão divididos em torno de questões raciais. Confrontada com a comunidade que a criou, mas da qual estava afastada desde sua mudança para Nova York, Jean Louise passa a ver sua família e amigos sob nova perspectiva e se espanta com inconsistências referentes à ética e a pensamentos nos âmbitos político, social e familiar.“Vá, coloque um vigia” é o segundo romance de Harper Lee, mas foi escrito antes do mítico O sol é para todos, que recebeu o Prêmio Pulitzer em 1961. Este livro inédito marca o retorno, após 65 anos de silêncio, de uma das maiores escritoras americanas do século XX.

15)A garota no trem–Paula Hawkins.

Também adaptado para o cinema, muitos elogios me fizeram comprá-lo. Sinopse: Todas as manhãs Rachel pega o trem das 8h04 de Ashbury para Londres. O arrastar trepidante pelos trilhos faz parte de sua rotina. O percurso, que ela conhece de cor, é um hipnotizante passeio de galpões, caixas d’água, pontes e aconchegantes casas. Em determinado trecho, o trem para no sinal vermelho. E é de lá que Rachel observa diariamente a casa de número 15. Obcecada com seus belos habitantes – a quem chama de Jess e Jason –, Rachel é capaz de descrever o que imagina ser a vida perfeita do jovem casal. Até testemunhar uma cena chocante, segundos antes de o trem dar um solavanco e seguir viagem. Poucos dias depois, ela descobre que Jess – na verdade Megan – está desaparecida.Sem conseguir se manter alheia à situação, ela vai à polícia e conta o que viu. E acaba não só participando diretamente do desenrolar dos acontecimentos, mas também da vida de todos os envolvidos. Uma narrativa extremamente inteligente e repleta de reviravoltas, A garota no trem é um thriller digno de Hitchcock a ser compulsivamente devorado.

16)A rainha vermelha – Victoria Aveyard.

Livro muito popular, uma amiga me pediu para comprar para que ela também pudesse ler. Ainda me restam dúvidas se são dois volumes ou se trata de uma trilogia, porque não sei se Coroa Cruel faça parte da sequencia. Sinopse: O mundo de Mare Barrow é dividido pelo sangue: vermelho ou prateado. Mare e sua família são vermelhos: plebeus, humildes, destinados a servir uma elite prateada cujos poderes sobrenaturais os tornam quase deuses.Mare rouba o que pode para ajudar sua família a sobreviver e não tem esperanças de escapar do vilarejo miserável onde mora. Entretanto, numa reviravolta do destino, ela consegue um emprego no palácio real, onde, em frente ao rei e a toda a nobreza, descobre que tem um poder misterioso… Mas como isso seria possível, se seu sangue é vermelho?Em meio às intrigas dos nobres prateados, as ações da garota vão desencadear uma dança violenta e fatal, que colocará príncipe contra príncipe — e Mare contra seu próprio coração.

17)As crônicas de gelo e fogo – George R. R. Martin.

Comprei o box em promoção com os cinco livros. Basicamente porque assisti alguns episódios de Game Of Thrones, série da HBO, baseada nos livros e achei muito bom e surreal. Foi no final de Abril e ainda não comecei a ler pelo óbvio, são umas 1.700 páginas de leitura e sei que levarei semanas para terminar, enquanto muitos outros livros me aguardam, coisa louca, não? Sinopse: A maior saga de fantasia dos últimos tempos e que já conquistou milhões de fãs ao redor do mundo chega agora às livrarias em uma caixa de luxo e com os cinco livros já escritos – ‘A Guerra dos Tronos, A Fúria dos Reis, A Tormenta de Espadas, O Festim dos Corvos e A Dança dos Dragões’ – em versão pocket. Quando EddardStark, lorde do castelo de Winterfell, recebe a visita do velho amigo, o rei Robert Baratheon, está longe de adivinhar que a sua vida, e a da sua família, está prestes a entrar numa espiral de tragédia, conspiração e morte. Durante a estadia, o rei convida Eddard a mudar-se para a corte e a assumir a prestigiada posição de Mão do Rei. Este aceita, mas apenas porque desconfia que o anterior detentor desse título foi envenenado pela própria rainha – uma cruel manipuladora do clã Lannister. Assim, perto do rei, Eddard tem esperança de protegê-lo da rainha. Mas ter os Lannister como inimigos é fatal – a ambição dessa família não tem limites e o rei corre um perigo muito maior do que Eddard temia. Sozinho na corte, Eddard também se apercebe que a sua vida nada vale. E até a sua família, longe no norte, pode estar em perigo.

Volto em breve! Beijos.

 

 

Anúncios

4 comentários sobre “Junho/2016: Livros comprados – para ler – Parte 2.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s