Junho/2016: Filmes assistidos.

Olá, Bom dia!

Resolvi variar hoje e fazer uma listinha para vocês dos últimos filmes que assisti, sim, porque a vida não é feita só de livros. Acredito que valham à pena listá-los, porque gostei de todos. Quase não me aventurei e o que prevaleceu foram as comédias românticas (sorry), mas há terror, drama e ação também. Se quiserem indicar-me alguns, fiquem à vontade:

2

Qual o seu número; Uma comédia romântica batida, comum de se assistir, mas Anna Faris com seu carisma torna o filme divertido. Boston. Ally Darling (Anna Faris) fica horrorizada ao ler, em uma revista feminina, que as mulheres têm em média 10,5 parceiros sexuais ao longo da vida. Acreditando que o número é baixo demais, ela puxa da memória todos os homens com quem já transou e passa a investigar junto a amigas qual é o número delas. É quando percebe que já teve relações sexuais com 19 homens, um número bem acima das colegas. Para piorar ainda mais a situação, a matéria diz que as mulheres que tiveram 20 ou mais parceiros têm muito mais dificuldades para se casar. Logo, a saída para Ally é procurar seus ex-namorados para ver se, com o tempo, algum deles melhorou de forma que possa ser seu marido, já que desta forma não chegará à marca dos 20. Para cumprir a missão ela conta com a ajuda de Colin Shea (Chris Evans), seu vizinho mulherengo que tem habilidade para investigar outras pessoas. Em troca Ally passa a ajudá-lo a escapar das mulheres que leva para cama, que por vezes teimam em não ir embora tão logo a relação sexual termine. É baseado no livro 20 Times a Lady de Karyn Bosnak. 

3

Casa comigo?; Um das comédias românticas mais fofas e cativantes que assisti nos últimos tempos. Clichê, mas ainda sim, deliciosa de ver. O filme é sobre uma mulher que se dirige para a Irlanda para pedir seu namorado em aceitar sua proposta de casamento no dia bissexto, quando a tradição irlandesa diz que os homens não podem recusar a proposta de uma mulher para o casamento. Seus planos são interrompidos por uma série de eventos cada vez mais improváveis e são ainda mais complicados quando ela contrata um estalajadeiro bonito para levá-la para seu namorado em Dublin. 

4

Esposa de mentirinha; Dois atores que eu adoro, que fazem da comédia algo simples, tornando a tarefa de gostar do filme, fácil. Danny Maccabee (Adam Sandler) queria um relacionamento sério, mas foi infeliz em sua tentativa de casamento. Para driblar a carência, passa a vivenciar somente namoricos e relações amorosas sem o menor compromisso. Assim, ele toca sua vida como cirurgião plástico bem sucedido, tendo sua melhor amiga Katherine (Jennifer Aniston), mãe solteira de um casal de pirralhos, como fiel escudeira. Mas um dia ele conhece a jovem Palmer (Brooklyn Decker) e a paixão toma conta de ambos. Disposto a se casar com ela, Danny pisa na bola quando, para conquistá-la, inventa que é marido da amiga, pai das crianças e que vai se separar. Começa então uma verdadeira aventura amorosa recheada de confusões de todos os tipos.

5

Questão de tempo; Adoro Rachel, a protagonista do filme. E acredito que o protagonista, desconhecido das telas, acrescentou uma leveza e delicadeza a história. Muito bom e fugindo dos paradigmas. Ao completar 21 anos, Tim (Domhnall Gleeson) é surpreendido com a notícia dada por seu pai (Bill Nighy) de que pertence a uma linhagem de viajantes no tempo. Ou seja, todos os homens da família conseguem viajar para o passado, bastando apenas ir para um local escuro e pensar na época e no local para onde deseja ir. Cético a princípio, Tim logo se empolga com o dom ao ver que seu pai não está mentindo. Sua primeira decisão é usar esta capacidade para conseguir uma namorada, mas logo ele percebe que viajar no tempo e alterar o que já aconteceu pode provocar consequências inesperadas.

Simplesmente acontece; Já tinha ouvido falar neste filme e estava com vontade de assistir, ele foi inspirado em um livro e se trata de uma comédia romântica. Os jovens britânicos Rosie (Lily Collins) e Alex (Sam Claflin) são amigos inseparáveis desde a infância, experimentando juntos as dificuldades amorosas, familiares e escolares. Embora exista uma atração entre eles, os dois mantêm a amizade acima de tudo. Um dia, Alex decide aceitar um convite para estudar medicina em Harvard, nos Estados Unidos. A distância entre eles faz com que nasçam os primeiros segredos, enquanto cada um encontra outros namorados e namoradas. Mas o destino continua atraindo Rosie e Alex um ao outro.

6

Invocação do Mal 2; Assisti recentemente nos cinemas porque gostei bastante do primeiro. Ed e Lorraine Warren (Patrick Wilson e Vera Farmiga) são investigadores de casos sobrenaturais e acabam de dar uma palestra sobre o sinistro (e famoso) caso da boneca Anabelle, aqui visualmente mais demoníaca que a original. Enquanto isso, Carolyn e Roger Perron (Lili Taylor Ron Livingston) se mudam com a filharada para uma casa nova. Chegando lá, a cadela deles se recusa a entrar, mas eles ignoram o “aviso” canino. Até o momento em que duas das filhas começam a relatar que estão “vendo coisas” e estranhos hematomas vão surgindo no corpo da mãe. Certa de que alguma coisa ruim está rolando e pode piorar, ela entra em contato com os paranormais famosos, que após uma visita ao local, descobrem que um mau terrível está a espreita todos. Chegou a hora do amor da família ser colocado à prova. Ele é assustador de um jeito sombrio e longe do comum.

Guerra Mundial Z; Um filme sobre zumbis com Brad Pitt de protagonista fica fácil de ser apreciado. Uma terrível e misteriosa doença se espalha pelo mundo, transformando as pessoas em uma espécie de zumbis. A velocidade do contágio é impressionante e logo o Governo americano recruta um ex-investigador da ONU (Organização das Nações Unidas) para investigar o que pode estar acontecendo e assim salvar a humanidade, tendo em vista que as previsões são as mais catastróficas possíveis. Gerry Lane (Brad Pitt) tinha optado por dedicar mais tempo a sua esposa Karen (Mireille Enos) e as filhas, mas seu amor a pátria e o desejo de salvar sua família acabam contribuindo para que ele tope a missão. Agora, ele precisa percorrer o caminho inverso da contaminação para tentar entender as causas ou, ao menos, identificar uma maneira de conter o contágio até que se descubra uma cura antes do  apocalipse. Começa uma verdadeira corrida contra o tempo, que se mostra cada vez mais curto, na medida em que a população de humanos não para de diminuir. 

7

A garota ideal; Um filme triste, que impacta. E conta com Ryan Gosling como protagonista, um ator que adoro. Lars Lindstrom (Ryan) é um homem tímido e introvertido, que vive na garagem de seu irmão mais velho, Gus (Paul Schneider), e sua cunhada Karin (Emily Mortimer). Lars apenas acompanha o desenrolar de sua vida, sem se mexer para algo. Até que um dia ele encontra Bianca, uma missionária religiosa, através da internet. O problema é que para as pessoas Bianca não é alguém real, mas a réplica de uma mulher, feita de silicone. Só que Lars acredita piamente que ela é um ser humano, o que faz com que se torne seu apoio emocional. Preocupados, Gus e Karin decidem procurar o conselho de uma psicóloga, que recomenda que concordem com Lars enquanto ele lida com seus problemas pessoais.

De encontro com amor; Confesso que assisti a esse filme só por causa do Joshua e achei fraco. Mas ainda sim, trata-se de uma comédia romântica bonitinha. Jeremy Taylor (Joshua Jackson) é um jovem escritor que está à procura de seu ídolo, Weldon Parish (Harvey Keitel). Parish vive atualmente recluso, decisão que tomou após passar por um grave bloqueio criativo. Jeremy consegue encontrá-lo no interior da Itália e, após uma resistência inicial, consegue se aproximar e tornar-se seu amigo. Parish passa então a lhe dar ensinamentos para que possa lapidar seu talento, ao mesmo tempo em que Jeremy se apaixona por Isabella (Claire Forlani), filha de seu mestre.

Por hoje, é isso 🙂

Anúncios

6 comentários sobre “Junho/2016: Filmes assistidos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s