TAG: #Trilogias.

Boa tarde, leitores.

Uma ótima semana para todos, com cheirinho de Natal chegando e como mês passado não teve e este mês daqui a pouco acaba e eu ainda não tinha respondido nenhuma #tag, resolvi inovar e inventar uma que é bem fácil, pelo menos para mim, que aborda as trilogias de livros. Quem se interessar, sinta-se a vontade para responder também.

  • A trilogia mais aguardada:

Jenny Han – Para sempre, Lara Jean.

1

Após ler o primeiro e o segundo livro da série (Para todos os garotos que já amei e P.S.: Ainda amo você) e terem sido minhas leituras favoritas de 2015 e 2016, estou ansiosa para o lançamento do terceiro e último livro da trilogia (Para sempre, Lara Jean), previsto para Abril de 2017 pela Editora Intrínseca, assim como os dois primeiros.

À espera do desfecho da protagonista mais carismática dos últimos tempos e seus romances doces e envolventes.

Resenhas: 

Para todos os garotos que já amei – Jenny Han / Resenha: P.S.: Ainda amo você – Jenny Han.

  • A trilogia mais padronizada:

O inferno de Gabriel – Sylvain Reynard.

2

Esta trilogia li em 2013 os dois primeiros (O inferno de Gabriel e O julgamento de Gabriel)  e em 2014 o último (A redenção de Gabriel) e embora eu tenha dado nota quatro para o livro um e dois e nota três para o terceiro livro, achei bem linear a escrita, conseguindo manter a qualidade em todos eles. Retratando aspectos diferentes da vida do casal protagonista, a história é envolvente até o final.

Não tenho resenha, pois na época ainda não existia o blog, mas trata-se de um romance entre aluna Julia que sempre teve um amor platônico por Gabriel e em certo momento ele se torna seu professor, especializando-se na história de Dante e Beatriz. Surge uma atração e um envolvimento entre eles e a partir disso terão que lidar com todos os obstáculos.

  • A trilogia mais decepcionante:

Paixão sem limites – Abbi Glines.

3

Apesar te ter gostado do primeiro livro (Paixão sem limites) e do segundo (Tentação sem limites) dando nota três aos dois, quando li o terceiro livro (Amor sem limites) percebi que a autora só estava continuando aquela história pelo sucesso que vinha fazendo e me senti enrolada, exatamente como o livro foi escrito, enrolando demais e sem conteúdo e dei nota dois. Existe ainda um quarto livro (Rush sem limites) que conta a mesma história a partir do ponto de vista do protagonista e que ficou na média. Apesar de ser bastante conhecida essa série de livros, não recomendaria.

Resenha: Trilogia Sem limites = Paixão sem limites/ Tentação sem limites/ Amor sem limites. Bônus = Rush sem limites – Abbi Glines.

  • A trilogia mais admirada:

Elixir – Hilary Duff.

5

A mais admirada para mim porque não esperava nada da série e subestimei a autora e cantora e ao ler os dois primeiros livros (Elixir e Devoted – Devoção) dando nota quatro aos dois, me vi obrigada a comprar o terceiro e último livro da saga (True: A Verdade), pois adorei a história, a capa e o modo como as coisas acontecem. Teve nota quatro também. Recomendo.

Resenha: Hilary Duff: Trilogia Elixir

  • A trilogia não finalizada:

O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares – Ransom Riggs.

4

Esta trilogia que li recentemente por empréstimo os dois primeiros livros, O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares e Cidade dos Etéreos, onde dei nota quatro ao primeiro e cinco a o segundo, pois acredite, ele consegue ficar melhor conforme a narrativa dos fatos, o que é surpreendente e agora me vejo na tentação de comprar o terceiro livro Biblioteca das almas para saber como essas crianças incríveis terminam, aguardando apenas uma promoção das livrarias.

Resenhas: Resenha de Livros: O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares– Ransom Riggs. / Resenha de Livros: Cidade dos Etéreos – Ransom Riggs.

Um outra sugestão de trilogia é Belo Desastre – Jamie McGuire. Embora o Belo Desastre que é o primeiro livro contando a história pelo ponto de vista da protagonista eu tenha gostado menos do que Desastre iminente que foi o segundo livro a partir do protagonista, gostei dos dois e falta ler o terceiro, Belo Casamento.

Beijos e até Quarta-feira.

Anúncios

7 comentários sobre “TAG: #Trilogias.

  1. Eu tenho um carinho especial pela trilogia “Sem Limites” , apesar de muita gente achar a história assim como vc disse. Eu li ela em um momento que eu necessitava de uma história leve e envolvente, pra curar uma das minhas piores ressacas literárias, eu estava mesmo deprê pelo último livro que havia lido. Então foi perfeito para o momento.
    Acho que toda leitura depende do momento da vida que estamos né? 😀
    Adoro o Orfanato e os livros da Jenny Han vou ler em breve!!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s